Blupet
Olá visitante, faça login para participar:
Pergunta respondida

Domingo assisti algo muito triste no quadro "Desafio Pet", no programa da Eliana! O especialista em comportamento animal "Alexandre Rossi" tentou ajudar uma família com um Chow Chow muito agressivo, chamado Billy. A agressividade de Billy era motivada por medo e era muito traiçoeiro. Mordeu várias vezes os próprios donos. Enfim, o caso é que um dia depois de uma das gravações, Billy atacou a dona, praticamente destroçou o braço da senhora e ela foi parar no hospital. Após isso o Alexandre Rossi voltou para conversar com a família e a posição deles foram: Não queremos mais ele, pode levar, e se precisar matar, pode matar! Alexandre Rossi ficou em estado de choque e conseguiu que a família deixasse ele continuar o adestramento por mais 2 semanas, mas os donos já avisaram que não querem mais ele. A continuação deste episódio vai ao ar no domingo novamente! Agora eu pergunto: E se fosse você que estivesse nesta situação dos donos, o que faria?

4990 visualizações

Respostas

Melhor resposta

Prezada, é uma situação difícil, convivo com esse problema, pois, como já relatei em vezes anteriores, minhas vizinhas têm um Chow-Chow problema. Por duas vezes tive que me expor para, (LITERALMENTE) salvar minhas vizinhas do ataque Dele. Na 1ª vez consegui ser rápido o suficiente para salvá-las, ficando apenas os ferimentos de uma das irmãs (grave), que precisou ficar internada vários dias, para reparos em seu braço direito, dada a violência do ataque. Na 2ª vez, não fui tão feliz e acabei no Pronto Atendimento, com o polegar direito bastante afetado, em que tive que me submeter a pontos no polegar para fechar as feridas ocasionadas pelas mordidas e a vizinha teve muitas mordidas em ambos os braços, o que deixou-lhe cicatrizes, inclusive. Ele é diagnosticado com distúrbios, porém, em conversa com criadores, foi-me relatado que não é raro comportamentos tais que esse em Chow-Chow, então, meu parecer em me colocando no lugar dos familiares, seja pelo trauma causado, seja para prevenir novos ataques, eu ao menos, iria contê-lo em local seguro e de difícil acesso aos familiares. Como disse, a este aprendiz que vivenciou um caso assim, é uma situação bastante delicada.


Que situação complicada essa. Isto que aconteceu no programa Desafio Pet neste episódio do Billy é bem complicado mesmo e que situação que o Dr. Pet tem para encarar agora hein. Fico curioso para ver o que vai acontecer.

Em relação ao Chow-Chow, já ouvi outras pessoas também que reclamaram da agressividade da raça e de histórias de ataques. É complicado e acredito que o ambiente em que o cão vive influência muito. Mais alguém viu o episódio?
Imagem rodapé

© 2013 Sopa Team

Voltar ao topo