Blupet
Olá visitante, faça login para participar:
Pergunta respondida

Fale sobre o "Pastor Australiano", também conhecido como "Australian shepherd" ou "Aussie".

165 visualizações

Respostas

Melhor resposta

Pastor Australiano
Escrito por Tudo Sobre Cachorros Guia de Raças
Share

Prezada, Boa Tarde.
Como todo cão pastor, Ele precisa de muito espaço e exercício. O ideal é que viva em uma casa com quintal ou em um sítio com espaço para correr.

Família: pastoreio, pecuária
Grupo do AKC: Pastores
Área de origem: Estados Unidos
Função Original: criação de gado
Tamanho médio do macho: Alt: 50-28 cm, Peso: 22-29 kg
Tamanho médio da fêmea: Alt: 45-53 cm, Peso: 18-20 kg
Outros nomes: nenhum
Posição no ranking de inteligência: 42ª posição
Padrão da raça: confira aqui



Energia
Gosto por brincadeiras
Amizade com outros cães
Amizade com estranhos
Amizade com outros animais
Proteção
Tolerância ao calor
Tolerância ao frio
Necessidade de exercício
Apego ao dono
Facilidade de treinamento
Guarda
Cuidados com a higiene do cão


Origem e história da raça

O Pastor Australiano não é realmente uma raça australiana, mas chegou à América via Austrália. Uma teoria muito popular sobre a origem da raça vem do início de 1800, quando o povo basco da Europa se estabeleceu na Austrália, trazendo com eles suas ovelhas e seus cães pastores. Pouco tempo depois, muitos desses pastores se mudaram para o oeste dos Estados Unidos com seus cachorros e suas ovelhas. Naturalmente, os pastores americanos apelidaram esses cães de Pastores Australianos, em função de seu endereço anterior. As áreas difíceis da Austrália e do oeste americano exigiam muito mais desses cães do que eles enfrentavam na Europa. Uma série de cruzamentos e seleções rigorosas foi aprimorando suas habilidades para o trabalho, e o cão basco logo se adaptou e se superou sob aquelas condições tão difíceis. Essa raça permaneceu discreta até os anos 50, quando foi apresentada em shows em rodeios e participou de filmes. Muitos desses cães podem ser encontrados com pedigrees Aussies. O primeiro Aussie foi registrado pelo International English Shepherd Registry, hoje conhecido como National Stock Dog Registry. Em 1957, foi formado o Australian Shepherd Club of América que acabou se tornando o maior registro de Aussie da América. Muitos membros do Australian Shepherd Club achavam que o AKC não daria o reconhecimento oficial para a raça, por isso criaram o United States Australian Shepherd Association. O AKC reconheceu o Pastor Australiano em 1993. A popularidade da raça segundo as estatísticas do AKC subestima sua popularidade como animal de estimação porque grande quantidade de pastores australianos não está registrados no AKC. O Pastor Australiano está entre as raças mais versáteis, se destacando em obediência, pastoreio e em competição de agilidade. O Aussie também é perito em trabalhar com gado. Na verdade, alguns acham que seu estilo é até mais apropriado para o trabalho com gado bovino do que com ovelhas.


Temperamento do Pastor Australiano

O Pastor Australiano é altamente resistente, é amoroso, corajoso, alerta, confiante, independente, inteligente e atencioso. Se ele não puder se exercitar ou ser desafiado, ele se fica frustrado e muito difícil de conviver. Com exercícios apropriados e treinamento, ele é leal, profundamente devotado e um companheiro obediente. Ele é tímido com estranhos e tem instinto protetor. Pode tentar “pastorear” crianças e animais pequenos mordiscando.


Cuidados com o Pastor Australiano

Essa raça precisa de muita atividade física todos os dias, de preferência combinando desafios físicos e mentais. Apesar de poder viver ao ar livre em climas temperados, o contato humano é tão vital para essa raça que ele não se adapta vivendo no quintal. Seu pelo precisa ser escovado ou penteado de uma a duas vezes por semana.


Saúde do Pastor Australiano

Principais Preocupações: catarata, CEA
Preocupações Menores: displasia de quadril dermatite solar nasal, síndrome de Pelger-Huet, colobomas da íris
Vistos Ocasionalmente: Síndrome lombar sacral, epilepsia, Atrofia Progressiva da Retina, vWD,distiquíase, PDA, PPM
Exames sugeridos: quadril, olhos
Expectativa de vida: 12-15 anos
Observações: Essa raça costuma ser sensível a ivermectina. Porém, a dosagem para prevenção da dirofilariose é considerada segura. Os cruzamentos entre dois cães merle podem gerar descendentes merles homozigotos, o que é prejudicial à saúde, resultando normalmente em surdez e cegueira. Cruzamentos naturais entre raças bobtail podem gerar filhotes com graves defeitos na coluna vertebral.
Imagem rodapé

© 2013 Sopa Team

Voltar ao topo