Blupet
Olá visitante, faça login para participar:
Pergunta respondida

Prezados, Bom Dia. Falem sobre o Caçador do Faraó.

157 visualizações

Respostas

Melhor resposta

Olá!

Acredito que esteja falando do Cão do Faraó!

É um dos cães mais antigos do mundo... calcula-se que sua origem data de 4000 a 3000 A.C. A origem exata da raça se perdeu no tempo mas é certo que a raça teve início no Egito Antigo. Por numerosos artefatos egípcios e escritas, fica claro que estes cães não eram só usados para a caça mas também eram companheiros leais e inteligentes dos Faraós reais do Egito Antigo.
A raça foi reconhecida em 1974. Em Malta, país de origem, a raça é apelidada de Kelb tal-Fenek, que significa Galgo de Coelhos. O nome Pharao Hound, ou Cão do Faraó, esteve para ser atribuído ao Ibizan Hound, Galgo de Ibiza, mas acabou por ser utilizado neste galgo de Malta. Além de excelente caçador, o Pharaoh Hound também é utilizado como cão de guarda e em alguns casos como guia de rebanhos.

Machos: 56 à 63,5 cm
Fêmeas: 53 à 61 cm

O Cão dos Faraós é um dos cães mais antigos do mundo, calcula-se que sua origem data de 4000 a 3000 A.C.).

A origem exata da raça se perdeu no tempo mas é certo que a raça teve início no Egito Antigo. Por numerosos artefatos egípcios e escritas, fica claro que estes cães não eram só usados para a caça mas também eram companheiros leais e inteligentes dos Faraós reais do Egito Antigo.

Durante os últimos 2000 anos, porém, a ilha mediterrânea de Malta foi exclusivamente responsável para preservar e desenvolver a raça do cão dos Faraós que nós conhecemos hoje. Considerando que a raça tem vivido exclusivamente nas ilhas de Malta deste os tempos antigos, a origem da raça é reconhecida internacionalmente como Malta.

As Ilhas maltesas são situadas no centro do mediterrâneo aproximadamente 50 milhas sul de Sicília. Em Malta o cão de caça é conhecido como o Kelb Tal-Fenek que literalmente é traduzido como " Caçador de coelho ". A tarefa principal do Kelb Tal-Fenek é caçar coelhos selvagens. Além de excelente cão de caça o cão dos Faraós é um ótimo cão de guarda e também um cão de pastororeio de cabras e ovelhas. Em honra de sua importância e herança, o cão dos Faraós foi declarado o cão de caça nacional de Malta oficialmente em 1974. Foram cunhadas moedas de Lira maltesas em 1977 com a imagem do cão dos faraós no verso. Durante a decada de 1960 a raça foi importada para a Inglaterra e para os Estados Unidos.

Foi reconhecida pelo AKC em 1983.

PADRÃO DA RAÇA: Bruno Tausz

Padrão FCI nº 248b / 16-03-1983 / P. Origem: cão nacional de Malta
Patronagem: Grã-Bretanha.
Nome de origem: Pharaon hound;
Utilização: .
Classificação FCI - - grupo 5 - Cães Spitz e Tipo Primitivo; - Seção 6 - Tipo Primitivo.
Sem prova de trabalho.

ASPECTO GERAL - o talhe do cão do faraó é médio nobre presença; suas linhas são puras. É gracioso, entretanto, poderoso; Muito rápido na sua movimentação fácil e de expressão viva.
Cão inteligente, amistoso, afetuoso, alegre e rápido. Caçador impetuoso e esperto, o cão do faraó caça por faro e pela visão, e se serve manifestamente de suas grandes orelhas quando ele está para amarrar sua caça.
- -
TALHE - altura na cernelha: machos 56 cm (56 à 63,5 cm)
fêmeas 53 cm (53 à 61 cm).
- A harmonia do conjunto deve sempre ser preservada.
- - comprimento: (padrão não comenta).
- peso: (padrão não comenta).

Muito bem, Parabéns a ambas.
Imagem rodapé

© 2013 Sopa Team

Voltar ao topo